Sessão 4 // Session 4

WILKIE BRANSON
STRONGER

VÍDEO-DANÇA // VIDEO-DANCE | 2010 | REINO UNIDO // U.K. | 4’31’’ |
classificação etária: 12 // age rating: 12
SESSÕES DE COMPETIÇÃO // COMPETITIVE SESSIONS | #4
10 DEZ // DEC | JARDIM DE INVERNO // WINTER GARDEN | 22h00 // 10 p.m.

Dois companheiros embarcam numa jornada de aventuras rumo a uma montanha arborizada, expressa através de dança b-boying. Os dois indivíduos previamente perdidos, encontram um novo júbilo e força na unidade recentemente descoberta.
Two new-found companions embark on a journey adventuring up a wooded mountain, expressed through b-boying based dance. The two previously lost individuals take new found jubilance and strength in completing the unity they have found.

____________________________________________________________

Wilkie Branson
http://www.champloo.co.uk
Wilkie é um b-boy de autodidacta de Bristol, Inglaterra. Começou a dançar em 2001, seguindo um caminho que ignora os limites que dissecam formas de arte e estilos de dança, trabalhando bastante o filme, texto e o paradigma expressivo da forma B-boy. Muito do trabalho que fez foi realizado com a Champloo Dance Company, explorando esta expressiva caminhada em b-boying, predominantemente através de filmes site-specific. Mais recentemente foi convidado a realizar a White Caps, uma longa-metragem em tempo real que sobre a expressiva criação b-boying da Bristol Old Vic.
He is a self trained b-boy from Bristol, England. Having started dancing in 2001 he has followed a pathway which ignores boundaries that dissect art-forms and dance styles, working extensively with film, text and the expressive paradigm of the B-boy form. Much of the work he has done has been with Champloo Dance Company, exploring this expressive avenue in b-boying, predominantly through site specific film works. Most recently he were commissioned to produce White Caps, a full length live/film expressive b-boying work for the Bristol Old Vic.

STRONGER ficha artística | cast
Realizador | Director Wilkie Branson
Intérpretes |  Interpreters Wilkie Branson, Joel Daniel
Câmara | Camera Rob Saunders
Som | Sound Phil King
Edição | Editing Wilkie Branson
Produção | Production Wilkie Branson
Produtor | Producer Champloo Dance Company

___________________________________________________________
___________________________________________________________

VINCENT GISBERT SOLER
CONTRA

VÍDEO-DANÇA // VIDEO-DANCE | 2009 | ESPANHA // SPAIN | 3’43’’
classificação etária: 12 // age rating: 12
SESSÕES DE COMPETIÇÃO // COMPETITIVE SESSIONS | #410 DEZ // DEC | JARDIM DE INVERNO // WINTER GARDEN | 22h00 // 10 p.m.

Contra é uma reflexão sobre a fragilidade do Homem contemporâneo no seu ambiente presente, mapeando a perda de consciência que resulta da união do nosso espírito ao materialismo, a perceptível realidade dos sentidos. Usar, transformar, manipular, destruir; acções que podem gerar comportamentos dominados por interesses individualistas e imediatos. Impomos sem consideração, distraindo-nos das consequências negativas que isso trará para o nosso ambiente e para nós mesmos.
Contra is a reflection on the fragility of contemporary man in his present environment, charting the loss of conscience that results in the moment of bonding our spirit to things material, the perceived reality of the senses. Use, transform, create, manipulate, destroy; actions that can form behaviors governed only by individual and immediate interests. Then we impose without respect, distracting ourselves from the negative consequences on our environment and ourselves.

_____________________________________________________________

Vincent Gisbert Soler
http://www.vicentgisbert.com
Vive e trabalha em Valência. Está presentemente envolvido em projectos de audiovisual que se servem do movimento e do espaço como elementos base da criação.  Participou com os seus trabalhos em plurais festivais nacionais e internacionais.
Lives and works in Valencia. At the moment he is quite implicated in audiovisual projects using the movement and the space like basic factors of creation. With his works, he participated in different national and international festivals.
CONTRA ficha artística | cast
Realizador | Director Vincent Gisbert Soler
Intérpretes |  Interpreters Vincent Gisbert Soler
Câmara | Camera Vincent Gisbert Soler
Som | Sound Vincent Gisbert Soler
Edição | Editing Vincent Gisbert Soler
Produção | Production Vincent Gisbert Soler
Produtor | Producer Vincent Gisbert Soler

___________________________________________________________
___________________________________________________________

BENJAMIN SILVESTRE
ENTRE TEMPS

VÍDEO-DANÇA // VIDEO-DANCE | 2009 | FRANÇA // FRANCE | 20’
classificação etária: 12 // age rating: 12
SESSÕES DE COMPETIÇÃO // COMPETITIVE SESSIONS | #410 DEZ // DEC | JARDIM DE INVERNO // WINTER GARDEN | 22h00 // 10 p.m.

Entre Temps explora o que motiva a aproximação de duas pessoas quando tudo o resto delas se afasta. Narra a história dessa exploração, a história de um homem e de uma mulher.
Entre Temps explores what brings together two people that everything else keeps apart. It narrates the story of this exploration, the story of a man and a woman.

_____________________________________________________________

Benjamin Silvestre
http://www.compagniedesindes.tv
Licenciado pela Ecole Nationale des Arts Décoratifs, Benjamin Silvestre trabalha como realizador. A sua obra explora o corpo e os gestos como linguagem e criação de uma narrativa. Realizou diversos filmes e vídeos experimentais e narrativos, bem como um conjunto de documentários dedicados a Coreógrafos e ao vídeo-dança. Presentemente desenvolve, enquanto realizador, uma série de filmes históricos sobre a Idade Média Francesa; encontrando-se também em processo de escrita de um novo vídeo-dança sobre o Diário de Kafka.
Graduated at the Ecole Nationale des Arts Décoratifs, Benjamin Silvestre works as filmmaker. His work explores the body and his gesture as language and way of narration. He made several experimental and narrative films and videos, a series of documentaries on Choreographers and dance films. He currently works on a series of historical films about French Middle Age and writes a new dance film about Kafka’s Diary.
ENTRE TEMPS ficha artística | cast
Realizador | Director Benjamin Silvestre
Intérpretes |  Interpreters Héla Fattoumi, Eric Lamoreux
Câmara | Camera Eric Heinrich
Som | Sound François Narboni, Dana Farzenehpour
Edição | Editing Benjamin Silvestre
Produção | Production Gildas Leroux
Produtor | Producer Heure d’été Productions / La Compagnie des Indes

____________________________________________________________
____________________________________________________________

MARTIN & FACUNDO LOMBARD
SUBLEVADOS

VÍDEO-DANÇA // VIDEO-DANCE | 2009 | E.U.A. // U.S.A. | 2’45’’
classificação etária: 12 // age rating: 12
SESSÕES DE COMPETIÇÃO // COMPETITIVE SESSIONS | #410 DEZ // DEC | JARDIM DE INVERNO // WINTER GARDEN | 22h00 // 10 p.m.

Os Gémeos Lombard dirigem um olhar para o interior, partilhando como exprimem as emoções através do sapateado com o compositor de Tango contemporâneo Fernando Otero.
The Lombard Twins give an inside look into how they express their emotions through tap dancing with contemporary Tango composer Fernando Otero.
__________________________________________________________________________
Martin & Facundo Lombard
http://www.lombardtwins.com
Os Gémeos Lombard são artistas/bailarinos/sonhadores mundialmente reconhecidos. Começaram a dançar aos 7 anos de idade, inspirados por Michael Jackson. Com 21, mudaram-se para Nova Iorque, onde actuaram em conjunto com James Brown, e com Mambo King Tito Puente, com quem apresentaram o seu primeiro espectáculo de Sapateado. Escreveram, realizaram, produziram e compuseram a música para o Espectáculo Teatral autobiográfico DREAMERS e são criadores do Concerto de Dança LOMBARD PLAY PIAZZOLA. Realizaram duas curtas-metragens e um vídeo dança. Desenvolveram a dança FREE EXPRESSION (de livre expressão), fundado em conteúdos emocionais. FREE EXPRESSION é a sua filosofia de Vida e de produção Artística. Amor, Paz & Arte.
The Lombard Twins are world-renowned artists/performers/dreamers. They started dancing at the age of 7 inspired by Michael Jackson. At the age of 21, they moved to New York City, where they performed with James Brown and Mambo King Tito Puente with whom they did their first Tap Dance appearance. They wrote, directed, produced and composed the music for the autobiographical Theatrical Show DREAMERS and created the Dance Concert LOMBARD PLAY PIAZZOLLA. In cinema directed two short-films and a video-dance. Through the years they developed their FREE EXPRESSION way of dance based on emotional content.. FREE EXPRESSION is also their philosophy in Art and Life. Love, Peace & Art.
SUBLEVADOS ficha artística | cast
Realizador | Director Martin & Facundo Lombard
Intérpretes |  Interpreters Martin & Facundo Lombard, Fernando Otero
Câmara | Camera Hernan Valle
Som | Sound Martin & Facundo Lombard, Fernando Otero
Edição | Editing Martin & Facundo Lombard
Produção | Production Martin & Facundo Lombard
Produtor | Producer Dreamers

___________________________________________________________
___________________________________________________________

MARGARET WILLIAMS
WRISTS

VÍDEO-EXPERIMENTAL // EXPERIMENTAL VIDEO | 2009 | ESPANHA, REINO UNIDO // SPAIN, U.K. | 7’
classificação etária: 12 // age rating: 12
SESSÕES DE COMPETIÇÃO // COMPETITIVE SESSIONS | #410 DEZ // DEC | JARDIM DE INVERNO // WINTER GARDEN | 22h00 // 10 p.m.

WRISTS é um trabalho em curso, com palavras declamadas por John Berger e interpretação de Maria Muñoz. Foi fotografado na Catalunha e editado por Margaret Williams em Londres.
WRISTS is a work in progress, performed by Maria Muñoz to words spoken by John Berger. It was photographed in Catalonia and edited by Margaret Williams in London.

____________________________________________________________

Margaret Williams
http://www.mjwproductions.com
Margaret Williams é autora de diversos filmes dramáticos musicais vencedores de prémios, cuja essência é caracterizada por uma visão criativa particular. VETERANS, co-criado e executado com a participação dos veteranos dos Estados Unidos de Los Angeles e periferia, foi premiado com o Premi Internacional no VideoDansa em Barcelona. Realizou também outros vídeo-dança como OUTSIDE  IN (coreografado por Victoria Marks e interpretado por CandoCo); MEN ‘os 20 minutos mais impressionantes e revitalizantes da televisão de há anos’ (Time Out) e CUBA, um vídeo-dança filmado em Havana. Realizou as séries TIGHTS CAMERA ACTION! e DANCE4FILM para o Channel 4 e concluiu recentemente a filmagem em multi-câmara dos ballets de Wayne McGregor para a Real Opera House LIMEN e CHROMA.
Margaret Williams has made many award-winning arts and music-drama films with an individual creative vision at the heart of all her films.  VETERANS, performed and co-created with US Veterans in and around Los Angeles won the Premi Internacional at VideoDansa in Barcelona.  Other dance films include OUTSIDE IN (chor. Victoria Marks and performed by CandoCo); MEN ‘the most impressive and uplifting 20 minutes of television in years’ (Time Out) and YOU CUBA, a dance film made in Havana.  She directed the series TIGHTS CAMERA ACTION! and DANCE4FILM for Channel 4 and has recently completed the multi-camera filming of Wayne McGregor’s ballets LIMEN and CHROMA for Royal Opera House.
WRISTS ficha artística | cast
Realizador | Director Margaret Williams
Intérpretes |  Interpreters Maria Muñoz
Câmara | Camera Margaret Williams
Som | Sound Bach / Albinoni
Edição | Editing Margaret Williams
Produção | Production Mal Pelo / MJW Productions
Produtor | Producer Mal Pelo / MJW Productions

___________________________________________________________
___________________________________________________________

SU-EN
SCRAP LIFE

VÍDEO-EXPERIMENTAL // EXPERIMENTAL VIDEO | 2006 | SUÉCIA // SWEDEN | 8’30’’ | classificação etária: 12 // age rating: 12
SESSÕES DE COMPETIÇÃO // COMPETITIVE SESSIONS | #410 DEZ // DEC | JARDIM DE INVERNO // WINTER GARDEN | 22h00 // 10 p.m.

Este filme é um hino glamoroso ao processo de reciclagem e ao ciclo da vida. Tem lugar num terreiro pejado de lixo. Absurdo, pleno de um subtil sentido de humor e belas imagens da lixeira, somos confrontados com trabalhadores e bailarinas em co-actuação neste cabaret de desperdícios. Pequenos bebés, pedaços de peças indesejadas, nascem, crescem e mais tarde atingem a completa maturidade, desabrochando em rainhas de desperdícios. Também tu deves lembrar-te de reciclar o teu lixo!
This film is a glamorous praise to the recycling process and the cycle of life. It takes place at a Scrap yard. Absurd, full of subtle humor and beautiful images from the scrap yard, we see the workers and the dancers co-starring in this Scrap cabaret. Small scrap babies are born, getting older and later reach full bloom as a scrap queen. Remember to recycle your garbage, you too!

____________________________________________________________

SU-EN
http://www.suenbutohcompany.net
SU-EN é bailarina, coreógrafa e artista de butoh da Suécia. Dirige a SU-EN Butoh Company, a qual estende a sua área de actuação diversos universos. SU-EN foi aprendiz, durante por 5 anos, de Yoko Ashikawa e do grupo Tomoe Shizune & Hakutobo, no Japão. Detentora de licença nattori obtida na Yoh Izumo School of Jiuta-mai (dança tradicional japonesa), firma as raízes do seu trabalho na influência performativa e artística do butoh. SU-EN está a desenvolver o seu método de investigação corporal como abordagem artística.
SU-EN is a dancer, choreographer and butoh artist from Sweden. She is the head of SU-EN Butoh Company which operates in different constellations. SU-EN was an apprentice of Yoko Ashikawa of the Tomoe Shizune & Hakutobo group in Japan for 5 years. SU-EN holds a nattori licence in Yoh Izumo School of Jiuta-mai (traditional Japanese dance). With firm roots in the butoh work and influence performance and action art, SU-EN is developing her body research method and artistic approach.
SCRAP LIFE ficha artística | cast
Realizador | Director SU-EN
Intérpretes |  Interpreters Lee Berwick, Caroline Lundblad, Anna Bralkowska, Lina Palmgren, Iryina Anufryleva, Varuneé    Câmara | Camera    Rickard Sporrong
Som | Sound Lee Berwic/ Digidub
Edição | Editing Rickard Sporrong
Produção | Production Rrong Production,  Sveriges Television

_____________________________________________________________
_____________________________________________________________

WIEBKE PÖPEL
FORA DENTRO

VÍDEO-DANÇA // VIDEO-DANCE | 2004 | ALEMANHA // GERMANY | 9’33’’ |
classificação etária: 12 // age rating: 12
SESSÕES DE COMPETIÇÃO // COMPETITIVE SESSIONS | #4
10 DEZ // DEC | JARDIM DE INVERNO // WINTER GARDEN | 22h00 // 10 p.m.

Fora Dentro é um filme experimental de dança composto de uma equipa mínima: uma piscina seca, uma mulher e uma laranja. Apoiado por IV. Deutscher Videotanzpreis (Prémio de Vídeo-Dança Alemão) e filmado em Stadtbad Oderberger Strasse, Berlim.
Fora Dentro is an experimental dance film with minimal cast: a dehydrated swimming pool, a woman and an orange. Funded by IV. Deutscher Videotanzpreis (German Videodance Award), filmed at Stadtbad Oderberger Strasse, Berlin

____________________________________________________________

Wiebke Pöpel
http://www.wiebke-poepel.de
Wiebke Pöpel é uma realizadora e artista de vídeo Berlinense. Os seus filmes incluem vídeo-dança, curtas- metragens e documentários, apresentados em festivais de cinema internacionais e na televisão. O seu filme FORA DENTRO (2004) foi premiado com o Deutscher Videotanzpreis (Förderpreis); o seu último filme CIRCULATURA (2009), uma colaboração com a coreógrafa Mirella Weingarten, conquistou o prémio PEARL’09. Para além de projectos pessoais e encomendas, Wiebke tem trabalhado como assistente de câmara, editora e artista de animação em regime freelance desde 2001. Por motivos profissionais e de estudo, Wiebke viveu vários anos no estrangeiro, em países como o Brasil, Escócia, Países Baixos e Portugal.
Wiebke Pöpel is a Berlin-based filmmaker and video artist. Her films include dance films, short films and documentaries, and have been shown on international film festivals and on television. Her dance film FORA DENTRO (2004) was awarded with Deutscher Videotanzpreis (Förderpreis); her latest film, CIRCULATURA (2009), in cooperation with choreographer Mirella Weingarten, was awarded with the PEARL’09 Award. Apart from personal projects and commissions, Wiebke has been working freelance since 2001 as camera woman, editor and animation artist. For work and studies, Wiebke has spent several years abroad, in Brazil, Scotland, Portugal and the Netherlands.
FOR A DENTRO ficha artística | cast
Realizador | Director Wiebke Pöpel
Intérpretes |  Interpreters Nicole Andree
Câmara | Camera Wiebke Pöpel
Som | Sound Wiebke Pöpel
Edição | Editing Wiebke Pöpel
Produção | Production Wiebke Pöpel
Produtor | Producer Wiebke Pöpel

____________________________________________________________
____________________________________________________________

MARLÈNE MILLAR & PHILIP SZPORER
A SOFT PLACE TO FALL

VÍDEO-DANÇA // VIDEO-DANCE | 2006 | ESPANHA // SPAIN | 5’20’’
classificação etária: 12 // age rating: 12
SESSÕES DE COMPETIÇÃO // COMPETITIVE SESSIONS | #410 DEZ // DEC | JARDIM DE INVERNO // WINTER GARDEN | 22h00 // 10 p.m.

A Soft Place to Fall investiga o relacionamento em mudança de um casal. A sua dança conta a história apaixonada de um homem e de uma mulher; o humor e perigo da vulnerabilidade que resulta do envolvimento de dois seres que se aproximam a estados de obsessão e determinação. De cores saturadas, a estética suporta a jocosidade na dança, bem como as qualidades cáusticas, ternas e pungentes de um relacionamento.
A Soft Place to Fall investigates a couple’s shifting relationship. Their dance tells the passionate story of a man and a woman and the humour and peril of becoming vulnerable to each other as the two move through states of obsessiveness and determination. Colour saturated, the aesthetic supports the playfulness in the dance as well as the caustic, tender and poignant qualities of the relationship.

_____________________________________________________________

Philip Szporer & Marlène Millar
http://www.mouvementperpetuel.net

Em 2001, Marlène Millar e Philip Szporer fundaram a produtora sediada em Montreal Mouvement Perpétuel, especializada em documentários artísticos. Com a missão de explorar as infinitas possibilidades da dança em filme e partilhar as histórias de artistas de excepção, a Mouvement Perpétuel produziu já Moments in Motion; Raising the Bar: The Fresh Voices Project; Byron Chief Moon: Grey Horse Rider, bem como as curtas-metragens experimentais de dança The Hunt; A Soft Place to Fall; Butte; The Greater The Weight; 40 and Falling. Quarantine, com 48’de duração, é a sua última produção, datando do final de 2009.
In 2001, Marlène Millar and Philip Szporer founded Mouvement Perpétuel, a Montreal-based film production company that specializes in arts documentaries. With a mandate to explore the endless possibilities of dance on film and share the stories of exceptional artists, Mouvement Perpétuel has gone on to produce Moments in Motion; Raising the Bar: The Fresh Voices Project; Byron Chief Moon: Grey Horse Rider, as well as the experimental dance shorts The Hunt; A Soft Place to Fall; Butte; The Greater The Weight; 40 and Falling. Quarantaine, a 48-minute film, was released in late 2009.
A SOFT PLACE TO FALL ficha artística | cast
Realizador | Director Philip Szporer, Marlene Millar
Intérpretes |  Interpreters Peter Trosztmer, Catherine Lipscombe
Coreografia | Choreography Thea Patterson
Câmara | Camera Mark Morgenstern
Som | Sound Composer Mike Feuerstack, Mixer: René Portillo    Edição | Editing    Dexter X
Produção | Production Philip Szporer & Marlene Millar  Bravo!FACT
Produtora | Producer MOUVEMENT PERPÉTUEL

___________________________________________________________
___________________________________________________________

DANIEL AUGUSTO | Cia. VITROLA QUÂNTICA
BOSSA CHINESA

VÍDEO-DANÇA // VIDEO-DANCE | 2009 | BRASIL // BRAZIL | 4’ |
classificação etária: 12 // age rating: 12

SESSÕES DE COMPETIÇÃO // COMPETITIVE SESSIONS | #410 DEZ // DEC | JARDIM DE INVERNO // WINTER GARDEN | 22h00 // 10 p.m.

Duas mulheres solitárias na cidade de São Paulo. A espera por algo ou alguém torna-se um jogo de encontros e desencontros, inspirado no universo do cineasta Wong Kar Wai.
Two solitary women in San Paolo. The waiting for something or someone become a playing game of agreements and disagreements, inspired by the universe of the director Wong Kar Wai.

__________________________________________________________

Daniel Augusto
http://www.vitrolaquantica.blogspot.com
Daniel Augusto é director de dança, cinema e televisão. Já dirigiu três espectáculos para sua Companhia Vitrola Quântica, mais de trezentos programas de televisão exibidos no Brasil e no exterior, curtas-metragens de ficção e documentários de longa-metragem.
Daniel Augusto is a dance, cinema and television director. He has already directed three shows for his Company Vitrola Quântica, more than three hundred television programs screened in Brazil and outside the country, fiction short films for cinema and feature length documentaries.
BOSSA CHINESA ficha artística | cast
Realizador | Director Daniel Augusto
Intérpretes |  Interpreters Cia. Vitrola Quântica
Câmara | Camera Daniel Augusto
Som | Sound INSTITUTO
Edição | Editing Daniel Augusto, Julia Abs
Produção | Production Cia. Vitrola Quântica
Produtor | Producer Cia. Vitrola Quântica

_____________________________________________________________
_____________________________________________________________

DIOGO VALENTE
ESPAÇO NÃO LINEAR

VÍDEO-DANÇA // VIDEO-DANCE | 2010 | PORTUGAL | 03’08 |
classificação etária: 12 // age rating: 12
SESSÕES DE COMPETIÇÃO // COMPETITIVE SESSIONS | #4
10 DEZ // DEC | JARDIM DE INVERNO // WINTER GARDEN | 22h00 // 10 p.m.

O espaço e o corpo trabalhados como temas separados. O espaço não limita o corpo e, como tal, o corpo não está limitado ao espaço em que se insere. Nada é estático, nada é linear. O corpo ou o seu movimento, quando potencialmente limitado, altera o espaço. Quando existe mais do que um corpo num mesmo espaço surge o conflito.
Space and Body worked as separated subjects. The space doesn’t limit the body and as a result the body is not limited by the space it fits in. Nothing is static, nothing is linear. The body or his movement, when potentially limited, distorts the space. When more than a body exists in the same space, a conflict arises.

________________________________________________________

DIOGO VALENTE
http://www.dreamlab.pt
Com 32 anos de idade, licenciou-se em Novas Tecnologias da Comunicação pela Universidade de Aveiro em 2001. Um dos sócios fundadores e responsável pela direcção criativa e gestão de projectos na Dreamlab, desde 2001, estúdio de desenvolvimento e consultoria em multimédia e comunicação. Especializado na supervisão e gestão de projectos nas áreas de vídeo, 3D e animação.
32 years old, he got his Degree in New Communication Technologies at the Aveiro University in 2001. He’s one of the founder associates of the Dreamlab Project, a studio that works on development and consultation in multimedia and communication, in which he is responsible for the creative direction and project management (accounting managing video, 3d and animation projects) ever since 2001.
ESPAÇO NÃO LINEAR ficha artística | cast
Realizador | Director Diogo Valente
Interpretes |  Interpreters Inês Negrão, Carolina Vidal
Câmara | Camera Diogo Valente
Som | Sound Trifonic
Edição | Editing Diogo Valente
Produção | Production Diogo Valente






Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s