DESTAQUES – 2, 3 e 4 Dez – Teatro do Bairro e Musicbox

2 DE DEZEMBRO | SEXTA-FEIRA

18h00 – Teatro do Bairro – DocShadow – Competição Sessão #1 Canadá – Entrada livre
21h30 – Teatro do Bairro – SoloShadow – Aurora Digitalis de Alva Morgenstern (Áustria) – Estreia Nacional – 5€ / 3€ estudantes
Digitalis: palavra latina, significa: “relacionado com o dedo”. Também inclui a palavra “digital”. A obra existe na intersecção do corpo com a imagética digital e procura criar uma relação de simbiose entre estes. O corpo de uma performer feminina é usado como uma superfície de projecção.
22h00 – Teatro do Bairro – Sessão Especial – The Co(te)lette Film de Mike Figgis & Ann Van Den BroekEstreia nacional – Entrada livre
Mulheres e carne, beleza e instabilidade, crua e frágil. Um desejo delirante esmaga as bailarinas. Um desejo de satisfação física e mental. As bailarinas vão desde o apelo da sensualidade, à luxúria, carnalidade, fama, sucesso, reflexão, controlo, até ao silêncio. São escravas dos seus próprios desejos ao mesmo tempo que procuram controlá-los. Corpos femininos em frenesi.
23h00 – Musicbox – Filmes Selecção Canadá (O valor de entrada é o normal praticado pelo Musicbox)
00h00 – Musicbox – Concertos Ivvvo (Portugal) e Suees (Canadá)
MUSICBOX – O Festival InShadow estabeleceu uma parceria com o MusicBox, tornando-o no ponto de encontro nocturno do festival. A intenção é podermos cruzar artistas e público. Será apresentada uma sessão especial dedicada ao País Convidado – Canadá – no dia 2 de Dezembro às 23h. Depois, entre as 00h e as 07h, haverá concertos de bandas nacionais e internacionais e Dj Set’s.

3 DE DEZEMBRO | SÁBADO

18h00 – Teatro do Bairro – DocShadow – Competição Sessão #2 – Entrada livre
21h30 – Teatro do Bairro – SoloShadow – Quadratura do Espaço Curvo de Pedro Ramos (Portugal)5€ / 3€ estudantes (Bilhete incluí entrada para os dois espectáculos)
O espaço/tempo é uma espécie de laboratório onde nos coagulamos na vida e dissolvemos na morte; separamo-nos na Questão; in_ amamos no constrangimento; sublimamos na tomada de consciência; comungamos no amor.
22h00 – Teatro do Bairro – SoloShadow – Espelho – Mirror de Bruno Rodrigues (Portugal)5€ / 3€ estudantes (Bilhete incluí entrada para os dois espectáculos)
Os espelhos podem ser encarados como instrumentos de autocontemplação e reflexão do universo. Guardamos no seu interior sentidos sem direcção ou destino apurado, mas que marcam a sua relevância. ”Somos múltiplos, incoerentes e contraditórios”, uma identidade unidade de cada numa subjectividade ilusória.
22h30 – Teatro do Bairro – Sessão Especial – País convidado Vídeo-Dança Canadá – Entrada livre

4 DE DEZEMBRO | DOMINGO

18h00 – Teatro do Bairro – DocShadow – Competição Sessão #3 Entrada livre
Image | This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s